Política
11/07/2019 12:38

Críticas à Tabata Amaral e defesa do protagonismo de Guedes na Previdência repercutem no Twitter


Por Gabriel Wainer

São Paulo, 11/07/2019 - A aprovação da Reforma da Previdência, ontem, no plenário da Câmara dos Deputados, por ampla maioria de 379 votos a favor ante 131 votos contrários, continua repercutindo no Twitter brasileiro, nesta quinta-feira. Dos 10 assuntos mais comentados na rede social, 3 se referem à votação. A #oCaraDaReforma está em segundo lugar nas tendências da rede, enquanto a #TabataTraidora se posiciona em quarto lugar, seguida pela #NovaPrevidênciaSim.

A primeira hashtag surge como contraponto às análises de jornalistas e influenciadores presentes na rede social que creditam o sucesso da votação de ontem à articulação feita pelo presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Internautas que apoiam o governo creditam ao ministro da Economia, Paulo Guedes, a votação bem sucedida e criticam quem afirma que a vitória foi do Congresso, e não do Executivo.

Deputada federal pelo PDT de São Paulo, Tabata Amaral se tornou assunto após votar a favor da Reforma, contrariando a orientação de seu partido, que fechou questão em sua convenção nacional contra o texto proposto pelo governo. Antes da votação, o presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, e o vice-presidente do partido, Ciro Gomes, afirmaram que eram favoráveis à expulsão dos parlamentares que desobedecessem a orientação do partido. A #TabataTraidora está sendo utilizada por internautas que afirmam ter votado na deputada paulista e que se decepcionaram com seu posicionamento.

Já a #NovaPrevidênciaSim reúne posts que celebram a aprovação da Reforma em primeiro turno. Os deputados Daniel Silveira (PSL-RJ) e Marcel van Hattem (NOVO-RS) comemoraram a expressiva votação favorável utilizando a hashtag, enquanto internautas utilizam a expressão para criticar os parlamentares de oposição que votaram contra o texto.

Contato: gabriel.wainer@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos